Verão #2 Salada Oriental

Se o verão traz aquele calor insuportável, agradeça ao invés de ficar reclamando. Aproveite a oportunidade para consumir alimentos crus e frescos. E tirar o máximo de todas as suas qualidades nutricionais. Nestas horas, eu penso em como é bom não ter aquela vontade louca de comer massa com queijo. Aquela vontade que só dá no inverno. E como é bom poder fazer a substituição por um grelhado e um pratão de uma salada linda, refrescante, com uma textura crocante e cheia de nutrientes.

IMG_4645_2

Também não ter que submeter o alimento a nenhum processo de cocção traz uma incrível praticidade ao preparo, além de proporcionar o aproveitamento dos nutrientes ao máximo. Se você está trabalhando ou na praia, prepare a sua saladinha pela manhã e leve para o escritório na sua marmita chic ou deixe na sua geladeira num vidro de conserva. Se está na praia, o preparo pode ser feito também na hora do consumo e com rapidez, melhor ainda. Só higienizar e picar vegetais, preparar o molho e em no máximo 10 minutos está tudo pronto.

Falando dos benefícios nutricionais, inúmeros. Repolho roxo com baixo teor calórico e muita fibra, ajuda no emagrecimento. Cheio de Vitamina A, magnésio, cálcio e antioxidantes e fitoquímicos. Ajuda na limpeza do fígado, do intestino e a pele agradece, também é anticancerígeno e ajuda na memória preservação da memória. Cenoura idem, com um pouquinho mais de calorias, mas com todos os benefícios do repolho e mais Vitamina C e betacaroteno. Segura o bronze, aí, gente, que já vem o Carnaval! A cenoura é muito benéfica para a visão e para o fortalecimento do sistema imunológico. E o pepino, delícia. Além de ajudar a pele, é um diurético natural e auxilia no combate aos cálculos renais.

O molho que eu preparei tem um toque oriental, com shoyu. E lá vem a crítica. Esta era constante no meu bistrô: “O shoyu tem alto teor de sódio!” E eu já rebato: procure usar o orgânico que tem menos teor de sódio, pois não há adição de glutamato monossódico ou use menos. Não precisa se entupir de shoyu todos os dias, nem fazer aquela lambança que o povo por aí adora fazer no rodízio de sushi. A quantidade de shoyu no molho desta receita certamente faz menos estrago que a picanha cheia de sal do churrasco do domingo ou virar aqueles saquinhos de sal na salada de alface e tomate. Segure a onda porque no verão a retenção de líquidos pode ser ainda maior.

IMG_4642IMG_4638_2IMG_4641_2

Anotaram? Então, bora lá preparar a receitinha show de bola e fixadora do seu bronze total.

Aproveitem e não se esqueçam de me contar depois.

Salada Oriental
Rendimento: Serve 4 pessoas     |     Tempo de preparo: 10 minutos
INGREDIENTES

1 repolho roxo pequeno

  • 1 pepino
  • 1 cenoura
  • suco de um limão
  • 1 colher de chá de shoyu orgânico Daimaru
  • 1 colher de chá de mel
  • 1 colher de sopa de água gelada
  • 3 colheres de sopa de azeite extra virgem
  • 1 colher de sopa de gergelim preto e gergelim branco para finalização

 

MODO DE PREPARO
  1. Higienize e pique os legumes. O repolho, em tirinhas bem finas. O pepino e a cenoura em quatro partes logitudinais e em fatias finas.
  2. Faça o molho misturando primeiro o shoyu com o suco de limão com a ajuda de um fouet pequeno ou uma colher de chá, junte o mel, a água e, por último, o azeite extra virgem.
  3. Misture os ingredientes picados, acrescente o molho e finalize com o gergelim, somente na hora de servir para manter a crocância.

Receita de Leticia Amaral
Visite ateliervelovert.com.br para mais receitas

Compartilhe:
Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someone

Comentários

comentários